TBR Book Jar – o que é e por que aderir

Muitos blogueiros utilizam a expressão “TBR Book Jar” referindo-se a um pequeno jarro repleto de papéizinhos. Esse costume já existe faz algum tempo, mas só conheci agora. Pra quem não sabe, TBR significa “to be read“, ou seja, “para ser lido”. E “book jar” nada mais é do que “jarro de livros”.

TBR BOOK JAR – O QUE É E POR QUE ADERIR

Foto: Isabela Zamboni/Resenhas à La Carte

Daí você me pergunta: “mas pra que serve isso?”, e eis que a resposta é supersimples: é só um meio de você se controlar e não gastar seu salário inteiro em livrarias. É normal se empolgar com livros e acabar comprando mais do que é possível ler. E a TBR Book Jar é pra ajudar justamente nisso: você coloca em vários papeizinhos todos os livros que você tem e ainda não leu. Depois, é só sortear e começar a ler um por um os livros “esquecidos” da sua estante. Em vez de comprar sem parar, é hora de começar a ler todas as obras que você já tem. Assim você economiza dinheiro e ainda relembra o porquê de ter comprado aquele livro.

TBR BOOK JAR – O QUE É E POR QUE ADERIR

Foto: Isabela Zamboni/Resenhas à La Carte

Sem contar que é uma ideia bem bacana, já que a “jar” pode ser uma jarra mesmo, um copo, uma caneca, uma caixa… além de te ajudar a escolher o que vai ser lido em sequência, também deixa a decoração da estante ou do seu quarto mais bonita 🙂

TBR BOOK JAR – O QUE É E POR QUE ADERIR

Foto: Isabela Zamboni/Resenhas à La Carte

Eu escolhi para a minha TBR Jar (que ainda está incompleta) um copo que eu tinha aqui em casa do Starbucks. Como o copo é transparente, fica legal colocar papéis coloridos dentro.

TBR BOOK JAR – O QUE É E POR QUE ADERIR

Foto: Isabela Zamboni/Resenhas à La Carte

Na internet também encontrei algumas inspirações:

TBR BOOK JAR – O QUE É E POR QUE ADERIR

O TBR Jar da Priscila Guerra, do blog Stuck on Them

TBR BOOK JAR – O QUE É E POR QUE ADERIR

TBR da Nat, do blog Mi Libreto Rosa

TBR BOOK JAR – O QUE É E POR QUE ADERIR

TBR Book Jar da Gabriela Cubayachi, do blog e aí beleza

Vamos ver se consigo, assim, bater a meta de 2015!


Escrito por:

Isabela Zamboni



Comentários via Facebook

Comentários


Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *