Experiência de Sucesso – como foi ouvir os ensinamentos de Augusto Cury e Nick Vujicic AO VIVO!

No sábado (17.12) participei do evento Experiência de Sucesso, promovido pela empresa de mesmo nome. Eles já foram responsáveis por trazer palestrantes como Robert Kiyosaki (autor de Pai Rico, Pai Pobre), Jordan Belfort (conhecido como O Lobo de Wall Street), entre o outros, com foco na área do desenvolvimento pessoal, ao Brasil.

Experiência de Sucesso - como foi ouvir os ensinamentos de Augusto Cury e Nick Vujicic AO VIVO!

Nick Vujicic FOTO: Divulgação

Resolvi ir ao Experiência de Sucesso quando o autor e palestrante Nick Vujicic foi confirmado. Li todos os livros do Nick lançados no Brasil e sou fã de seus vídeos, portanto, não perdi a oportunidade.

Para quem não conhece a história dele, eu resumo: Nick é palestrante motivacional, responsável pela ONG Life Without Limbs, ator de livros como: Uma Vida Sem Limites, Indomável e Fique Forte. Ele viaja o mundo falando sobre empreendedorismo, fé, bullying e sua relação com a Sindrome Tetra-amelia.

Nick é, realmente, uma pessoa iluminada. Mas não só isso: ele é extremamente esclarecido. Suas visões de mundo e de vida são presentes que Nick compartilha com quem se dispõe a ouví-lo.

A palestra de Nick foi bastante focada em suas experiências pessoais: como ele lidava com o bullying quando criança e, principalmente, como iniciou sua carreira – e quantos “nãos” teve que ouvir até conseguir se tornar realmente um palestrante de sucesso.

Augusto Cury – autor de sucessos como O Vendedor de Sonhos – mesclou os ensinamentos de seus livros com tópicos mais práticos (“Ame-se“, “Você é importante“, “Jogue coisas boas no Universo“, e esse tipo de coisa). Pode parecer bobagem, mas era exatamente o que a audiência precisava ouvir.

Assumo que sempre tive preconceito com os livros dele, mas depois da palestra até fiquei com vontade de ler alguma obra escrita pelo autor, já que, acima de tudo, achei o Augusto uma pessoa concisa.

Como a maioria do público era formada por empreendedores, acabei “sobrando”. Mas, de qualquer forma, foi uma experiência catártica onde pudemos conhecer história incríveis e, ao mesmo tempo, aprofundar nosso autoconhecimento.

LEIA TAMBÉM


Escrito por:

Melissa Marques



Comentários via Facebook

Comentários


Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *