Resenha: O Mundo de Downton Abbey – Jessica Fellowes

A série Downton Abbey foi finalizada em dezembro de 2015, finalzinho do ano passado, mas só consegui terminar de assistir agora! E, aproveitando o hype, resolvi ler o livro que havia comprado já há algum tempo – O Mundo de Downton Abbey, escrito por Jessica Fellowes, jornalista e sobrinha de um dos criadores da série, Julian Fellowes.

capa livro mundo downton abbey

Foto: Isabela Zamboni/Resenhas à La Carte

Comprei esse livro maravilhoso por uma bagatela: 15 reais. O preço é baixo porque ele só retrata as duas primeiras temporadas da série, que foi encerrada com 6, no total. Então, por ter ficado um pouco “desatualizado”, acredito que as lojas diminuíram o valor.

capa livro mundo downton abbey

Foto: Isabela Zamboni/Resenhas à La Carte

De início, comprei porque sou fã da série (apesar de ter caído MUITO a qualidade depois da quarta temporada) e esperava algo mais no estilo “bastidores”, com muitas fotos e informações sobre os atores, o que rola por trás das câmeras e etc. Mas, não! O livro me surpreendeu porque é muito mais do que isso – ele traça um paralelo da série com a história da Inglaterra no século XX e suas transformações. Valeu muito mais a pena do que eu imaginava.

livro mundo downton abbey foto

Foto: Isabela Zamboni/Resenhas à La Carte

O livro conta com 9 capítulos, cada um explicando uma característica da série: Vida em Família, Sociedade, Mudança, Vida no Trabalho, Estilo, Casa & Propriedade, Romance, Guerra e, por fim, Bastidores. Há também um prefácio do Julian Fellowes, onde ele comenta as ideias originais para a série, que resultaram em um programa de TV premiado e um estouro de audiência.

capa livro mundo downton abbey

Foto: Isabela Zamboni/Resenhas à La Carte

É impressionante como todos os detalhes históricos foram levados em consideração. Havia um historiador no set de filmagens junto com os atores, explicando todos os pormenores daquela época, entre 1890 e 1925. Eu já imaginava que a aristocracia britânica era um absurdo de “frescuras”, principalmente depois de assistir à série, mas o livro mostra cada regrinha que havia naquele “universo”, tanto para os nobres quanto para os empregados da casa. Fiquei realmente espantada como era trabalhoso viver em uma propriedade como Downton Abbey, em inúmeros sentidos.

livro mundo downton abbey foto

Foto: Isabela Zamboni/Resenhas à La Carte

O livro retrata a questão de hierarquia da época (condes, duques, lordes), luta de classes (sufragistas, lutas do povo contra o rei), transformações tecnológicas do século XX (telefone, aviões, carros, energia elétrica), mudanças no universo da moda feminina e masculina, o período conturbado da Primeira Guerra, a noção de casamento para as jovens da aristocracia e das classes mais desfavorecidas, entre muitas outras informações. Junto com isso, o livro traça um paralelo com as personagens, os episódios exibidos e o trabalho incrível da produção, que se preocupou com a veracidade histórica para construir uma narrativa crível.

livro mundo downton abbey estilo

Foto: Isabela Zamboni/Resenhas à La Carte

As primeiras temporadas de Downton Abbey são realmente sensacionais, todo mundo tem que assistir. O final foi bem decepcionante, mas o começo foi tão bom que compensa. E esse livro existe para mostrar justamente isso! Para quem curte história e adora a série, indico O Mundo de Downton Abbey com certeza.

LEIA TAMBÉM

capa livro mundo downton abbey

Título original: The World of Downton Abbey
Autora: Jessica Fellowes
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 304
Ano: 2012
Gênero: Fotografia/Não-Ficção
NotaEstrelaEstrelaEstrelaEstrelaEstrela


1 Comentário
Escrito por:

Isabela Zamboni


O Lar das Crianças Peculiares: confira o trailer oficial legendado

Essa semana foi divulgado o primeiro trailer oficial de O Lar das Crianças Peculiares. O filme é baseado na obra de Ramson Riggs, O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares que, inclusive, teve o segundo volume da série lançado esse ano pela Intrínseca: Cidades dos Etéreos já está nas livrarias de todo o Brasil!

Livros de Ransom Riggs

Livros de Ransom Riggs Foto: Divulgação Editora LeYa e Editora Intrínseca

Confira a sinopse oficial do livro:

Tudo está à espera para ser descoberto em O orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares, um romance inesquecível que mistura ficção e fotografia em uma experiência de leitura emocionante. Nossa história começa com uma horrível tragédia familiar que lança Jacob, um rapaz de 16 anos, em uma jornada até uma ilha remota na costa do País de Gales, onde descobre as ruínas do Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares. Enquanto Jacob explora os quartos e corredores abandonados, fica claro que as crianças do orfanato são muito mais do que simplesmente peculiares. Elas podem ter sido perigosas e confinadas na ilha deserta por um bom motivo. E, de algum modo, por mais impossível que pareça, ainda podem estar vivas. Uma fantasia arrepiante, ilustrada com assombrosas fotografias de época, O orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares vai deliciar adultos, adolescentes e qualquer um que goste de aventuras sombrias“.

E o trailer oficial legendado:

 

Alguns dos comentários mais curtidos no YouTube não são muito animadores: “Me senti vendo uma versão do Burton dos X-Men“, afirmou um usuário. Já outros, criticaram a adaptação do título original: “‘O Lar das Crianças Peculiares’ sério? Titulo original é melhor” (sic).

A estreia do filme está prevista para o dia 30 de setembro nos Estados Unidos.


Comente!
Escrito por:

Melissa Marques


Resenha: Uma Pergunta Por Dia – Potter Style

Resenha: Uma Pergunta Por Dia

FOTO: Melissa Marques / Resenhas à la Carte

Ainda aproveitando a onda dos livros interativos em 2015, a Intrínseca lançou o Uma Pergunta Por Dia. O projeto já é bem conhecido na gringa, com o nome de “Q&A a Day Journal“, inclusive, ele estava na minha wishlist há um tempão, mas eu sempre pensava em comprar depois por que: 1) era em inglês e 2) tinha que pagar em dólar e esperar mil anos para chegar. Agora com a tradução para o português, ficou muito mais fácil.

Clique para comprar seu exemplar:

Comprei no Submarino e paguei cerca de R$25,00. A ideia do livro é a seguinte: são 365 perguntas diferentes que você deve responder uma a cada dia do ano. Porém, o livro tem espaço para cinco respostas para a mesma pergunta. Sendo assim, você acaba respondendo 1.825 questões durante CINCO anos.

O interessante do Uma Pergunta Por Dia é que você pode perceber a sua mudança de pensamento no decorrer dos anos, ou seja: ele acaba funcionando como uma “cápsula do tempo”.

Resenha: Uma Pergunta Por Dia

FOTO: Melissa Marques / Resenhas à la Carte

Alguns exemplos de perguntas que você deve responder: quando foi a última vez que você se exercitou? Qual é a sua palavra favorita no momento? Qual foi o último livro que você leu? Como você gostaria que fosse seu epitáfio?. Enfim, as perguntas são variadas, nada óbvias ou bobocas.

Achei o espaçamento entre as linhas um pouco pequeno, como eu tenho letra grande/gorda, acho que vou ocupar bastante espaço com as minhas respostas (talvez as quatro linhas não sejam suficientes). Além  disso, por ter capa dura, o livro não abre muito, então fica mais difícil escrever quando se aproxima do meio dele. Para mim, o livro poderia ser alguns centímetros maior.

O design da capa ficou bem parecido com a versão original, e a lateral (corte) do livro é dourada e superbonita!

Resenha: Uma Pergunta Por Dia

Detalhe do corte dourado. FOTO: Melissa Marques / Resenhas à la Carte

Como eu não gosto de iniciar esse tipo de projeto no meio do ano, resolvi esperar um pouquinho (até 01/01/20016) para começar a responder as questões do meu diário.

E você? Vai começar o mesmo projeto ou algo parecido em 2016? Conta para mim através dos comentários!

Obs: você pode adquirir o livro clicando aqui! 🙂

Uma pergunta por diaTítulo original: Q&A a Day Journal
Autor: Potter Style
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 368
Ano: 2015
Gênero: Interativo / Diário
Nota: EstrelaEstrelaEstrelaEstrelaestrela vazia


13 Comentários
Escrito por:

Melissa Marques


Recebidos – Novembro – 2015 (Melissa)

Confira tudo o que eu recebi no mês de Novembro e me ajude a escolher quais serão as próximas resenhas do blog! 🙂

COMPRAS

Recebidos - Novembro - Melissa

FOTO: Melissa Marques / Resenhas à la Carte

O Funny Girl comprei para dar de presente, já o Uma Pergunta Por Dia é meu, e mal posso esperar para estreá-lo dia 01/01/2016! Em breve tem resenha dele por aqui!

TROCAS – SKOOB E SEBO

Recebidos - Novembro - Melissa

FOTO: Melissa Marques / Resenhas à la Carte

  • Stardust – O Místério da Estrela – Neil Gaiman, por ROCCO Jovens Leitores
  • Maze Runner – Correr ou Morrer – James Dashner, por V&R Editoras
  • Maze Runner – Prova de Fogo – James Dashner, por V&R
  • Maze Runner – A Cura Mortal – James Dashner, por V&R

Depois de assistir Maze Runner – Prova de Fogo no cinema, fiquei com vontade de ler a trilogia. Consegui todos os livros + Stardust (que era um desejo antigo) com a mesma pessoa no Skoob (aproveita e me adiciona lá!).

ASSESSORIA

Recebidos - Novembro - Melissa

FOTO: Melissa Marques / Resenhas à la Carte

  • A Bela e A Adormecida – Neil Gaiman, por ROCCO Jovens Leitores

Chegou no trabalho, mas eu trouxe para ler em casa e fotografar 🙂 Linda DEMAIS essa edição!

Aproveitando: se quiserem enviar algo para o Resenhas, fiquem à vontade!

Nossa caixa postal é:

RESENHAS À LA CARTE
CAIXA POSTAL 1590
CEP: 17014-970
BAURU – SP

E então, pessoal? Qual desses vocês gostariam de ler a resenha aqui no blog? 🙂


Comente!
Escrito por:

Melissa Marques


Resenha: O Discurso Faça Boa Arte – Neil Gaiman

Se você está na faixa dos 20 e poucos anos e está meio perdido na vida; se você acha que trabalha demais e nunca alcança seus objetivos; se você não faz o que ama, mas se sente preso ao ‘ganhar dinheiro pra viver’; ou se você apenas não sabe o que fazer daqui pra frente: esse livro é para todos nós.

Resenha: O Discurso Faça Boa Arte - Neil Gaiman

Foto: Isabela Zamboni/Resenhas à La Carte

“Faça Boa Arte”, de Neil Gaiman, é uma transcrição do discurso que o autor fez em 2012 para a University of the Arts na Filadélfia. Com duração de 19 minutos, ele fala sobre arte, vida, carreira, jornada e aquilo que todos sempre pensamos em algum momento: “o que estou fazendo com minha vida???? O que devo fazer agora??”.

+ RESENHA: SANDMAN – PRELÚDIO 1 – NEIL GAIMAN E J. H. WILLIAMS III

É um discurso motivacional que nos faz repensar tudo aquilo que estamos fazendo. Neil fala sobre o fato de trabalharmos sempre para ganhar dinheiro e dificilmente fazendo o que sonhamos em fazer. Ele confessa que nunca fez faculdade, mas que sempre gostou de escrever e se tornou escritor – veja só – escrevendo.

+ RESENHA: O DIA DE CHU – NEIL GAIMAN E ADAM REX

Já chegou a mentir no currículo, viveu de freelance, recusou empregos bons porque sabia que não iria ser feliz e se esforçou até o fim para viver como sempre sonhou: sendo escritor. Ele também fala de sua jornada e dá alguns conselhos para as pessoas que, como eu, como você, estão em busca de algo “a mais”.

Resenha: O Discurso Faça Boa Arte - Neil Gaiman

Foto: Isabela Zamboni/Resenhas à La Carte

O conselho essencial do autor: “faça boa arte“. Não importa o que aconteceu na sua vida: foi criticado? Passou um perrengue? Está numa maré de azar? Faça boa arte. Esqueça a opinião alheia, esqueça as adversidades do caminho: empenhe-se naquilo que você ama, tire de dentro de você todos os sentimentos que estão presos e faça boa arte. Liberte-se das amarras!

+ CURTA: BEHIND THE TREES, DE AMANDA PALMER SOBRE NEIL GAIMAN

É triste ler esse livro e pensar em como ele está certo, mas como requer coragem para deixar de lado a vida cômoda e o salário fixo para se dedicar à uma paixão. Acho que, pra mim, seria um dos atos mais corajosos que alguém tomaria no mundo de hoje: perseguir o próprio sonho, independente dos obstáculos financeiros.

É possível assistir ao discurso completo no YouTube, mas ainda assim, o livro tem um diferencial: o projeto gráfico. Brincando com as palavras de Gaiman, o designer gráfico Chip Kidd transforma a obra em uma leitura diferente, criativa e, usando a metalinguagem, fazendo sua própria arte.

Resenha: O Discurso Faça Boa Arte - Neil Gaiman

Foto: Isabela Zamboni/Resenhas à La Carte

Então, se você quer levar um tapa na cara, leia este livro. Repense suas escolhas, pense na sua felicidade, tire de dentro de você as emoções e expresse-as de alguma forma.

Resenha: O Discurso Faça Boa Arte - Neil Gaiman

Título original: Make Good Art Speech
Autor: Neil Gaiman
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 80
Ano: 2014
Gênero: Não-Ficção
NotaEstrelaEstrelaEstrelaEstrelaEstrela


2 Comentários
Escrito por:

Isabela Zamboni


Página 1 de 3123