Listas  |  15.09.2021

Livros para o Dia das Crianças: sugestões para celebrar a data!

Está em busca de livros para o Dia das Crianças? Nós podemos ajudar você! Trouxemos uma seleção de 12 livros infantis, passando por autores nacionais e internacionais. Além disso, você confere dicas de livros juvenis para diversas idades, desde os menores até os pré-adolescentes. O importante é celebrar o dia 12 de outubro com muita diversão e aprendizado, certo?

Então confira nossa lista e depois comente: quais livros você indica para ler com as crianças?

Livros para o Dia das Crianças: conheça os melhores!

1. Amoras – Emicida

Na música “Amoras”, Emicida canta: “Que a doçura das frutinhas sabor acalanto/ Fez a criança sozinha alcançar a conclusão/ Papai que bom, porque eu sou pretinha também”. E é a partir desse rap que um dos artistas brasileiros mais influentes da atualidade cria seu primeiro livro infantil e mostra, através de seu texto e das ilustrações de Aldo Fabrini, a importância de nos reconhecermos no mundo e nos orgulharmos de quem somos — desde criança e para sempre.

2. Histórias de Ninar para Garotas Rebeldes – Elena Favilli e Francesca Cavallo

Cem histórias que provam a força de um coração confiante: o poder de mudar o mundo. Que essas valentes mulheres inspirem vocês. Que os retratos delas imprimam em nossas filhas e filhos a profunda convicção de que a beleza se manifesta em todas as formas, cores e idades.

Em Histórias de ninar para garotas rebeldes, tudo o que podemos sentir é esperança e entusiasmo pelo mundo que estamos construindo. Um mundo onde gênero não defina quão alto você pode sonhar nem quão longe você pode ir.

3. O Dia de Chu – Neil Gaiman e Adam Rex

Resenha: O Dia de Chu - Neil Gaiman

FOTO: Melissa Marques | Resenhas à la Carte

O dia de Chu está cheio de atividades. Logo cedo, ele vai à biblioteca. Depois, segue para o almoço e à tarde vai ao circo. Preocupados, seus pais perguntam a toda hora se Chu vai espirrar. Mas o que pode acontecer de tão ruim quando esse bebê panda espirra?

Com ritmo narrativo e bom humor, o autor de Coraline, Os lobos dentro das paredes e O livro do cemitério, entre outros sucessos juvenis, mostra que também sabe falar a língua dos pequeninos, com frases bem curtas, mas que carregam um quê de provocação.

Aproveite para ler a resenha de O Dia de Chu!

4. Malala, a menina que queria ir para a escola – Adriana Carranca

Malala Yousafzai quase perdeu a vida por querer ir para a escola. Ela nasceu no vale do Swat, no Paquistão, uma região de extraordinária beleza, cobiçada no passado por conquistadores como Gengis Khan e Alexandre, o Grande, e protegida pelos bravos guerreiros pashtuns – os povos das montanhas.

Foi habitada por reis e rainhas, príncipes e princesas, como nos contos de fadas. Malala cresceu entre os corredores da escola de seu pai, Ziauddin Yousafzai, e era uma das primeiras alunas da classe. Quando tinha dez anos viu sua cidade ser controlada por um grupo extremista chamado Talibã. Armados, eles vigiavam o vale noite e dia, e impuseram muitas regras. Proibiram a música e a dança, baniram as mulheres das ruas e determinaram que somente os meninos poderiam estudar. Mas Malala foi ensinada desde pequena a defender aquilo em que acreditava e lutou pelo direito de continuar estudando. Ela fez das palavras sua arma.

Em 9 de outubro de 2012, quando voltava de ônibus da escola, sofreu um atentado a tiro. Poucos acreditaram que ela sobreviveria. A jornalista Adriana Carranca visitou o vale do Swat dias depois do atentado, hospedou-se com uma família local e conta neste livro tudo o que viu e aprendeu por lá. Ela apresenta às crianças a história real dessa menina que, além de ser a mais jovem ganhadora do prêmio Nobel da paz, é um grande exemplo de como uma pessoa e um sonho podem mudar o mundo.

5. O Fantástico Mistério de Feiurinha – Pedro Bandeira

Você se lembra, não é? Quase todas as histórias antigas que você leu terminavam dizendo que a heroína casava-se com o príncipe encantado e pronto. Iam viver felizes para sempre e estava acabado. Mas o que significa “viver feliz para sempre”? Significa casar, ter filhos, engordar e reunir a família no domingo para comer macarronada? Quer dizer que a felicidade é não viver mais nenhuma aventura? Como é que alguém pode viver feliz sem aventuras?

O livro trata do desaparecimento de uma suposta princesa, chamada Feiurinha, e promove um reencontro entre as principais princesas dos contos de fadas: Cinderela, Branca de Neve, Chapeuzinho Vermelho, A Bela Adormecida, Rapunzel, Bela e Rosaflor Della Moura Torta. Todas, com exceção de Chapeuzinho vermelho, se encontram grávidas e prestes a completar 25 anos de casadas com seus respectivos príncipes encantados.

Há também espaço para a rivalidade entre princesas, que demonstram se preocupar mais com suas próprias histórias em determinados momentos. Porém, as diferenças acabam quando todas têm o objetivo de resgatar a Princesa Feiurinha.

6. Emocionário: Diga o que você sente – Cristina Núñez Pereira e Rafael R. Valcárcel

Como descrever o AMOR? O que você sente quando está com MEDO? De onde vem a ALEGRIA? Por que sentimos INVEJA?

Emocionário é um dicionário de emoções que nos ajuda a entender melhor o que se passa em nosso coração. Prazer, ódio, entusiasmo, insegurança, orgulho e muitos outros sentimentos são representados por ilustrações inspiradoras e explicados de forma simples e delicada.

Com esse livro, crianças de todas as idades vão aprender a reconhecer suas emoções e expressar seus sentimentos.

 

7. O Monstro que Adorava Ler – Lili Chartrand

À beira de uma floresta encantada, um monstro assustador encontra um estranho objeto, que ele cheira e lambe. Não tem gosto de nada! Com raiva, joga-o no chão. No entanto, esse objeto admirável vai mudar completamente sua vida e seu humor. Uma história engraçada, surpreendente e tocante sobre a magia dos livros e o prazer da leitura.

8. A Droga da Obediência (Os Karas) – Pedro Bandeira

Uma turma de adolescentes enfrenta o mais diabólico dos crimes! Num clima de muito mistério e suspense, cinco estudantes – os Karas – enfrentam uma macabra trama internacional: o sinistro Doutor Q.I. pretende subjugar a humanidade aos seus desígnios, aplicando na juventude uma perigosa droga! E essa droga já está sendo experimentada em alunos dos melhores colégios de São Paulo. Esse é um trabalho para os Karas: o avesso dos coroas, o contrário dos caretas!

*Nota da Isa: eu AMAVA esse livro na infância, assim como toda a coleção dos Karas. Para crianças maiores, entre 8 a 12 anos, é muito bom!

9. 365 Histórias Para Dormir – Disney Pixar

Encante-se com 365 histórias para ler durante todo o ano! De janeiro a dezembro, mergulhe todas as noites no maravilhoso universo Disney, alce voo com seus heróis favoritos e aventure-se em terras repletas de magia e sonhos com este livro encantador que BRILHA NO ESCURO!

10. Menina Bonita do Laço de Fita – Ana Maria Machado

Um coelho branco apaixonado por uma criança negra. Isso é possível? Sim, e a comprovação está nas páginas do livro Menina bonita do laço de fita, de Ana Maria Machado.

O Coelhinho ainda vai além, e deseja também ter a cor da pele igualzinha à da menina!

Além do caráter lúdico de sua criação, a autora coloca em cena, nesta obra, diversos aspectos muito debatidos nos dias de hoje, como a autoestima das crianças negras e a fraternidade inter-racial. Razão suficiente para tornar Menina bonita do laço de fita um excelente livro infantil, com alta dosagem de sensibilidade.

11. Às vezes eu tenho medo – Michaelene Mundy

Em Às vezes eu tenho medo – Um livro sobre o medo, a autora ajuda os jovens leitores a compreender o que significa ter medo e como encontrar coragem e apoio dos amigos e das pessoas que amam.

12. O Pequeno Príncipe – Antoine de Saint-Exupéry

E para finalizar a lista de livros para o Dia das Crianças, nada como um clássico como O Pequeno Príncipe! Nesta clássica história que marcou gerações de leitores em todo o mundo, um piloto cai com seu avião no deserto do Saara e encontra um pequeno príncipe, que o leva a uma jornada filosófica e poética através de planetas que encerram a solidão humana.

 

Gostou da nossa seleção de livros para o Dia das Crianças? Então aproveite e compartilhe essa lista!

LEIA TAMBÉM

Ajude o resenhas a crescer

Anterior
Próximo
Compartilhe
Comente Aqui

0 Comentários “Livros para o Dia das Crianças: sugestões para celebrar a data!”
[fbcomments]