Novas Resenhas:


Resenha: Na Natureza Selvagem – Jon Krakauer

Resenha: Na Natureza Selvagem - Jon Krakauer

FOTO: Melissa Marques / Resenhas à la Carte

Já resenhei esse livro na rua para tantas pessoas que me sinto sendo repetitiva ao falar dele aqui no blog. Mas Na Natureza Selvagem é assim: gera interesse em todo mundo. Pouco importa se você concorda ou não com a visão de mundo de Chris McCandless. Uma coisa é certa: você, provavelmente, vai querer saber mais e mais sobre ele.

Meu primeiro contato com a história de Chris foi através do filme Na Natureza Selvagem. Sei que a ideia não é falar sobre filmes por aqui, mas vale um parêntese: assistam hoje mesmo! Que filme sensível e emocionante! Aquela história ficou na minha mente por dias e, aquelas 2h30 de filme não foram suficientes para mim.

Clique para comprar:

Fui atrás e descobri que o famoso jornalista Jon Krakauer (Autor do sucesso No Ar Rarefeito) havia escrito uma biografia póstuma sobre McCandless. Demorei um tempo até começar a ler Na Natureza Selvagem e, acreditem, foi bastante penoso.

Como herança do jornalismo, o texto de Jon mostra diversas “facetas” dos fatos, entrevista fontes, descreve minuciosamente as paisagens. E isso torna o livro extremamente rico em detalhes, apesar das poucas páginas. Inclusive, o autor arrisca em abordar questões intrínsecas à Chris McCandless que possam tê-lo levado a se aventurar na natureza selvagem.

O importante é que, apesar do clichê, ele precisou estar perdido para se encontrar. Em uma das passagens do livro, o autor explica o pano de fundo da famosa frase “Felicidade só é real quando compartilhada” (p. 197).

Resenha: Na Natureza Selvagem - Jon Krakauer

FOTO: Melissa Marques / Resenhas à la Carte

Durante o período de afastamento social, Chris McCandless tornou-se Alexander Supertramp, “senhor de seu próprio destino” (p.34), e deixou anotações – como um diário – esparsas nos livros que levou consigo para a viagem.

O autor, Jon Krakauer, é alpinista e carrega um grande bagagem sobre escaladas e aventuras, por isso, muitas vezes, acaba envolvido demais com a história e apela para o lado emocional. Em certo momento do livro, ele acaba citando algumas de suas histórias e de outros nômades que, por algum motivo, acabaram se embrenhando pela mata. Porém, é nesse ponto que Na Natureza Selvagem torna-se lento.

Para a produção de Na Natureza Selvagem, Jon praticamente refaz o caminho do garoto e, inclusive, entrevista pessoas que tiveram contato com McCandless. É aflitivo ler sobre as dificuldades que Cris passou, os erros que cometeu, o julgamento dos nativos, os problemas familiares… E tudo isso é exposto de forma bem clara na narrativa. Um livro reportagem bem completo, aliás.

COMPLEMENTO

 – A soundtrack do filme foi produzida inteiramente por Eddie Vedder (Pearl Jam):

LEIA TAMBÉM

Resenha: Na Natureza Selvagem - Jon Krakauer

Título original: Into the Wild
Autor: John Krakauer
Editora: Companhia das Letras
Número de páginas: 213
Ano: 1998
Gênero: Biografia
Nota: EstrelaEstrelaEstrelaEstrelaestrela vazia


Comente!
Escrito por:

Melissa Marques


Resenha: Capitu vem para o jantar – Denise Godinho

Resenha: Capitu vem para o jantar - Denise Godinho

FOTO: Melissa Marques / Resenhas à la Carte

Já pensou em um projeto que una literatura e gastronomia? Esta é a ideia de Capitu vem para o jantar, que surgiu do blog homônimo, atualizado pela jornalista Denise Godinho. Segundo ela: “Decidi aprender a cozinhar e, para a empreitada ser mais interessante, vou fazer as receitas que estão escondidas dentro dos livros“.

O conceito que o livro me passou foi o de uma obra culinária, mas com uma pegada mais “popular”. As páginas são diferenciadas – mais grossas, assim como os famosos livros de receitas – e o projeto gráfico é bem elaborado: bastante jovial, alegre e colorido.

Clique abaixo para adquirir seu exemplar:

Um ponto que deixou a desejar foi o de que muitas das receitas presentes no livro não tiveram fotos produzidas para ele. Acabaram utilizando fotos do acervo da autora que, provavelmente, vieram do blog e do Instagram (algumas contém até os famosos filtros da rede social).

Acredito que uma obra tão legal merecia um preparo melhor da apresentação dos pratos, afinal, um livro culinário é para “comer com os olhos“, não é mesmo?

Resenha: Capitu vem para o jantar - Denise Godinho

FOTO: Melissa Marques / Resenhas à la Carte

Além disso, as receitas vêm depois do texto, o que causou um certo estranhamento. Geralmente, temos o título da receita, a foto e as informações da receita (ingredientes, preparo etc), né? Mas em  Capitu vem para o jantar a ordem acabou um pouco diferente.

As receitas são bem diversificadas: entradas, pratos principais, drinks e bebidas, e claro: sobremesas! Achei o livro completo nesse quesito.

Outro ponto a favor da obra foi a pesquisa feita por Denise para contar sobre a história dos pratos, dos ingredientes, e dos hábitos culinários dos autores de cada livro citado na obra. Sem dúvidas, essas informações deixaram Capitu vem para o jantar mais redondinho.

Resenha: Capitu vem para o jantar - Denise Godinho

FOTO: Melissa Marques / Resenhas à la Carte

Minhas receitas preferidas foram o Bolinho de Limão (O Grande Gatsby), o Sanduíche de Queijo Suíço e Leite Maltado (O Apanhador no Campo de Centeio) e o Frango Assado (Drácula). E as suas? Me conta nos comentários!

LEIA TAMBÉM

Resenha: Capitu vem para o jantar - Denise GodinhoTítulo original: Capitu vem para o jantar
Autora: Denise Godinho
Editora: Verus Editora
Número de páginas:
Ano: 2016
Gênero: Culinária
Nota: EstrelaEstrelaestrela vaziaestrela vaziaestrela vazia


Comente!
Escrito por:

Melissa Marques


[VÍDEO] 5 HQs imperdíveis

No vídeo de hoje, comentei sobre 5 HQs / graphic novels / tirinhas / livros com ilustrações que eu indico DEMAIS! Assista ao vídeo e confira as dicas:

Resenhas citadas no vídeo:

Fuga – Rogério Coelhohttp://resenhasalacarte.com.br/resenha/resenha-fuga-rogerio-coelho/

Hyperbole and a Half – Allie Broshhttp://resenhasalacarte.com.br/resenha/resenha-hyperbole-and-a-half-allie-brosh/

Ninguém vira adulto de verdade – Sarah Andersen http://resenhasalacarte.com.br/resenha/resenha-ninguem-vira-adulto-de-verdade-sarah-andersen/

Aokigahara – André Turtelli e Renato Quirinohttp://resenhasalacarte.com.br/resenha/resenha-aokigahara-andre-turtelli-renato-quirino/

LEIA TAMBÉM


Comente!
Escrito por:

Melissa Marques


Resenha: Dois Irmãos – Milton Hatoum

Sempre ouvi falar muito bem de Dois Irmãos, do escritor brasileiro Milton Hatoum. Já tinha lido resenhas na internet, uma professora minha da Pós já havia mencionado o livro (assim como toda a história de Hatoum) e sabia que deveria ser uma obra indispensável. E não deu outra: a partir do momento que comecei a leitura, não queria mais largar. O estilo envolvente do autor nos faz viajar pela história de uma família cheia de conflitos e dissabores. Cada personagem é importantíssimo para a trama e é construído com cautela.

Resenha: Dois Irmãos - Milton Hatoum

Foto: Isabela Zamboni/Resenhas à La Carte

Acompanhamos a história de dois gêmeos, Yaqub e Omar, que desde crianças não se bicam. Eles são de origem libanesa e vivem em Manaus com a mãe Zana, o pai Halim, a irmã Rânia e a empregada Domingas. A trama de Dois Irmãos é intensa, mostrando com detalhes situações complexas dessa família, desde momentos de paz e tranquilidade até as piores situações. A escolha do narrador é bem interessante, já que só descobrimos quem ele é no meio da história. Não vou contar para não estragar, mas a partir do ponto de vista desse narrador, descobrimos detalhes e características únicas desses personagens que tentam sobreviver no caos da cidade.

A narrativa de Hatoum é envolvente, descrevendo cada aspecto, nome de rua e detalhe de Manaus, além da cultura local, desde o linguajar até a culinária. O autor escreve com propriedade, revelando minúcias de uma cidade em desenvolvimento e que, entre o período da segunda Guerra até o Golpe de 64, tenta se manter com seus comerciantes locais, pescadores, turistas e outros trabalhadores. Juro que durante a leitura eu só pensava em como queria conhecer Manaus e como a cultura brasileira é rica e diversa.

Porém, ao mesmo tempo em que encontrei descrições incríveis (do jeito que mais gosto: sem excessos), a construção psicológica das personagens é fenomenal. A estrutura da narrativa também é interessante, já que o autor cita um acontecimento importante, mas faz um certo suspense e distrai o leitor, que demora algumas páginas até conseguir respostas. E quando encontramos algumas delas, é sempre um baque emocional.

Para comprar o livro, só clicar na imagem abaixo:

A rivalidade entre os gêmeos é o ponto alto da trama. Omar e Yaqub são muito diferentes, com personalidades opostas, e a criação dos pais interfere muito na trajetória de ambos. Em alguns momentos, eu queria jogar o livro longe e dar um MURRO na cara do Omar. O “Caçula”, como é chamado pelo narrador – pois nasceu logo após Yaqub – é insuportável: mimado, irresponsável, agressivo e ingrato. Já Yaqub mostra traços de um homem traumatizado, deslocado do mundo, sisudo e com uma raiva profunda do irmão, que fez algo terrível com ele na infância. Sentimos essa angústia dos gêmeos em querer mostrar para a mãe (que é exageradamente protetora e possessiva) que eles podem seguir seus caminhos.

O pai, Halim, é um homem cansado, que sempre deixa claro que nunca quis ter filhos, mas sua paixão intensa por Zana, sua esposa, o levou para este caminho. Já a irmã Rânia é uma mulher forte e sensual, que optou por nunca manter um relacionamento sério, rejeitando todo e qualquer pretendente. O sonho de Rânia era encontrar um homem como seus irmãos, por quem nutria um apreço muito forte (e até exagerado, já cheguei a achar que podia ser incestuoso).

Resenha: Dois Irmãos - Milton Hatoum

Foto: Isabela Zamboni/Resenhas à La Carte

Domingas era a empregada fiel, uma moça órfã que foi “vendida” para a família depois de viver um tempo no internato de freiras. Seus sonhos e lembranças desmoronaram após viver uma vida cansativa e de tensão constante dentro dessa casa. A história de Domingas é triste e melancólica, mas ela é de longe uma das melhores personagens do livro.

O restante é um mais desprezível que o outro. O engraçado é que, geralmente, quando só tem personagem horroroso em algum livro, eu não tenho nem vontade de continuar. Mas em Dois Irmãos, mesmo com tanta gente fazendo coisas tenebrosas e agindo de forma tão animalesca, você sente uma certa empatia por todos.

Cada um é daquele jeito graças à construção de suas vidas, seus encontros e desencontros, seus traumas, medos e angústias. São pessoas tentando sobreviver e fazendo o melhor de si para manter uma vida aceitável, contudo, com seus próprios defeitos interferindo em seus caminhos.

A obra de Hatoum é recomendadíssima, um dos melhores livros que já li até hoje (assim como Enclausurado, do Ian McEwan) e merece total atenção. Se você terminar a leitura e não ficar nem um pouco balançado(a), é porque…. Não sei. Com certeza você vai adorar Dois Irmãos!

LEIA TAMBÉM

Resenha: Dois Irmãos - Milton HatoumTítulo original: Dois Irmãos
Autor: Milton Hatoum
Editora: Companhia das Letras
Número de páginas: 200
Ano: 2006
Gênero: Literatura Brasileira
NotaEstrelaEstrelaEstrelaEstrelaEstrela


Comente!
Escrito por:

Isabela Zamboni


19 livros que vão virar filme em 2017!

Se existe uma fonte praticamente inesgotável de ideias para o surgimento de novos filmes, sem dúvidas, são os livros! Em 2017 não será diferente: muitos sucessos literários sairão das páginas e ganharão as telas. TV, cinema e streaming apostarão suas fichas em superproduções baseadas em obras renomadas. Confira alguns livros incríveis que serão adaptados em 2017:

1. O Círculo – Dave Eggers

Sinopse: Encenado num futuro próximo indefinido, o engenhoso romance de Dave Eggers conta a história de Mae Holland, uma jovem profissional contratada para trabalhar na empresa de internet mais poderosa do mundo: O Círculo. Sediada num campus idílico na Califórnia, a companhia incorporou todas as empresas de tecnologia que conhecemos, conectando e-mail, mídias sociais, operações bancárias e sistemas de compras de cada usuário em um sistema operacional universal, que cria uma identidade on-line única e, por consequência, uma nova era de civilidade e transparência.

2. Tudo e Todas as Coisas – Nicola Yoon

livros que serão adaptados em 2017!

FOTO: Getty Images

Sinopse: “Minha doença é tão rara quanto famosa. Basicamente, sou alérgica ao mundo. Qualquer coisa pode desencadear uma série de alergias. Não saio de casa. Nunca saí em toda minha vida. As únicas pessoas que já vi foram minha mãe e minha enfermeira, Carla. Eu estava acostumada com minha vida até o dia que ele chegou. Olho pela minha janela para o caminhão de mudança, e então o vejo. Ele é alto, magro e está vestindo preto da cabeça aos pés. Seus olhos são de um azul como o oceano. Ele me pega olhando-o e me encara. Olho de volta. Descubro que seu nome é Olly. Talvez eu não possa prever o futuro, mas posso prever algumas coisas. Por exemplo, estou certa de que vou me apaixonar por Olly. E é quase certo que será um desastre.”

3. A Torre Negra: O Pistoleiro – Stephen King

livros que serão adaptados em 2017!

FOTO: Entertainment Weekly

Sinopse: O Pistoleiro apresenta ao leitor o fascinante personagem de Roland Deschain, último descendente do clã de Gilead, e derradeiro representante de uma linhagem de implacáveis pistoleiros desaparecida desde que o Mundo Médio onde viviam “seguiu adiante”. Para evitar a completa destruição desse mundo já vazio e moribundo, Roland precisa alcançar a Torre Negra, eixo do qual depende todo o tempo e todo o espaço, e verdadeira obsessão para Roland, seu Cálice Sagrado, sua única razão de viver.

4. Capitão Cueca – Dav Pilkey

livros que serão adaptados em 2017!

FOTO: Entertainment Weekly

Sinopse: Conheça Jorge e Haroldo, uma dupla de garotos legais. Além de pregar peças nos outros,o que eles mais gostam de fazer é,criar suas próprias histórias em quadrinhos. E juntos criaram o maior Super-herói da história, de todas as escolas- o incrível Capitão Cueca! Só que o diretor da escola não gosta nadinha destas brincadeiras e destes gibis.E cuidadosamente preparou um plano para acabar de vez com a farra dos meninos!

5. Assassin’s Creed – Christie Golden

Sinopse: Traído pelas famílias que governam as cidades-estado italianas, um jovem embarca em uma jornada épica em busca de vingança. Para erradicar a corrupção e restaurar a honra de sua família, ele irá aprender a Arte dos Assassinos. Ao longo do caminho, Ezio terá de contar com a sabedoria de grandes mentores, como Leonardo da Vinci e Nicolau Maquiavel, sabendo que sua sobrevivência depende inteiramente de sua perícia e habilidade. Para os seus aliados, ele será uma força para trazer a mudança lutando pela liberdade e pela justiça. Para os seus inimigos, ele será uma ameaça que procura destruir os tiranos que oprimem o povo da Itália. Assim começa uma épica história de poder, vingança e conspiração.

6. Cinquenta Tons Mais Escuros – E.L. James

Sinopse: O livro continua a história do relacionamento sexual conturbado vivido pelos personagens Christian Grey e Anastasia Steele.

7. A Bela e A Fera – Gabrielle-Suzanne Barbot

Sinopse: Adaptado, filmado e encenado inúmeras vezes, o enredo de A Bela e a Fera vai muito além da jovem obrigada a casar com uma horrenda Fera que no final se revela um lindo príncipe preso sob um feitiço. A versão original, que Madame de Villeneuve publicara em 1740, é de uma riqueza espantosa, que entre outras coisas traz as histórias pregressas da Fera e da Bela e dá voz ao monstro para que ele mesmo narre seu destino.

8. A Série Divergente: Ascendente – Veronica Roth

livros que serão adaptados em 2017!livros que serão adaptados em 2017!

FOTO: Divulgação

Sinopse: No desfecho da série Divergente, Tris e Quatro são postos à prova mais uma vez, diante de situações que mudarão suas vidas para sempre.

9. Aventuras em Série – Lemony Snicket

Sinopse:  Uma série em que Lemony Snicket conta as desventuras dos irmãos Baudelaire. Klaus, Sunny e Violet, são encantadores e inteligentes, mas ocupam o primeiro lugar na classificação das pessoas mais infelizes do mundo. De fato, a infelicidade segue os seus passos. Esses ímãs que atraem desgraças terão de enfrentar, por exemplo, um gosmento vilão dominado pela cobiça, um incêndio calamitoso, roupas que pinicam o corpo e mingau frio no café da manhã.

10. Quatro Vidas de Um Cachorro – W. Bruce Cameron

Sinopse: Esta é a inesquecível história de um cão que — após renascer várias vezes — imagina que haja uma razão para seu retorno, um propósito a cumprir, e que, enquanto não o alcançar, continuará renascendo. Narrado pelo próprio animal, Quatro vidas de um cachorro aborda a questão mais básica da vida: Por que estamos aqui? Emocionante e com boas doses de humor, Quatro vidas de um cachorro é um livro para todas as idades, que mostra o olhar de um cão sobre o relacionamento entre as pessoas e os laços eternos entre os seres humanos e seus animais.

11. A Cabana – William P. Young

Sinopse: A filha mais nova de Mackenzie Allen Philip foi raptada durante as férias em família e há evidências de que ela foi brutalmente assassinada e abandonada numa cabana. Quatro anos mais tarde, Mack recebe uma nota suspeita, aparentemente vinda de Deus, convidando-o para voltar àquela cabana para passar o fim de semana. Ignorando alertas de que poderia ser uma cilada, ele segue numa tarde de inverno e volta a cenário de seu pior pesadelo. O que encontra lá muda sua vida para sempre. Num mundo em que religião parece tornar-se irrelevante, “A Cabana” invoca a pergunta: “Se Deus é tão poderoso e tão cheio de amor, por que não faz nada para amenizar a dor e o sofrimento do mundo?”. As respostas encontradas por Mack surpreenderão você e, provavelmente, o transformarão tanto quanto ele.

12. Antes Que Eu Vá – Lauren Oliver

Sinopse:  Samantha Kingston tem tudo: o namorado mais cobiçado do universo, três amigas fantásticas e todos os privilégios no Thomas Jefferson, o colégio que frequenta — da melhor mesa do refeitório à vaga mais bem-posicionada do estacionamento. Aquela sexta-feira, 12 de fevereiro, deveria ser apenas mais um dia de sua vida mágica e perfeita. Em vez disso, acaba sendo o último. Mas ela ganha uma segunda chance. Sete “segundas chances”, na verdade. E, ao reviver aquele dia vezes seguidas, Samantha desvenda o mistério que envolve sua morte — descobrindo, enfim, o verdadeiro valor de tudo o que está prestes a perder.

13. Dona Flor e Seus Dois Maridos – Jorge Amado

livros que serão adaptados em 2017!

FOTO: Divulgação

Sinopse: Num domingo de Carnaval, Vadinho parou de sambar e caiu duro. Uma vida de boemia chegava ao fim: cachaça, jogatina e noites de esbórnia arruinaram o jovem malandro. Dona Flor acorreu em prantos ao corpo do marido, fantasiado de baiana. Em sete anos de casamento, sofrera com as safadezas de Vadinho, mas o amava. Viúva, Florípedes Guimarães concentra-se nas aulas de cozinha na escola Sabor e Arte. Um ano depois da morte de Vadinho, porém, o desejo do corpo lhe incendeia o recato da alma. O farmacêutico Teodoro Madureira surge como pretendente. Do namoro e de um noivado pudico, eles passam ao casamento. Cerimonioso e equilibrado, o segundo marido é o oposto do primeiro. Dr. Teodoro vive para a farmácia e para os ensaios de fagote. Flor é feliz com ele, mas sente um vazio que não sabe definir. Certa noite, depois de um ano de casada, dona Flor toma um susto: Vadinho está nu, deitado na cama, rindo e acenando para ela. O fantasma do malandro passa a viver com o casal.

14. Extraordinário – R.J. Palacio

livros que serão adaptados em 2017!

FOTO: Divulgação

Sinopse: August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso, ele nunca havia frequentado uma escola de verdade… até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.

15. Diário de Um Banana 4 -Jeff Kinney

livros que serão adaptados em 2017!

FOTO: Divulgação

Sinopse: Férias de verão o tempo está lindo, e toda a garotada está se divertindo ao ar livre. Onde está Greg Heffley? Dentro de sua casa, jogando videogame com as cortinas fechadas. Greg, um caseiro assumido, está vivendo sua derradeira fantasia de verão: nada de responsabilidades e regras. Mas sua mãe tem uma visão diferente para um verão ideal muitas atividades fora de casa e união de família. Qual ponto de vista vai ganhar? Ou será que uma nova aquisição para a família Heffley pode mudar tudo?

16. It: A Coisa – Stephen King

livros que serão adaptados em 2017!

FOTO: Entertainment Weekly

Sinopse: Durante as férias escolares de 1958, em Derry, pacata cidadezinha do Maine, Bill, Richie, Stan, Mike, Eddie, Ben e Beverly aprenderam o real sentido da amizade, do amor, da confiança e… do medo. O mais profundo e tenebroso medo. Naquele verão, eles enfrentaram pela primeira vez a Coisa, um ser sobrenatural e maligno que deixou terríveis marcas de sangue em Derry. Quase trinta anos depois, os amigos voltam a se encontrar. Uma nova onda de terror tomou a pequena cidade. Mike Hanlon, o único que permanece em Derry, dá o sinal. Precisam unir forças novamente. A Coisa volta a atacar e eles devem cumprir a promessa selada com sangue que fizeram quando crianças. Só eles têm a chave do enigma. Só eles sabem o que se esconde nas entranhas de Derry. O tempo é curto, mas somente eles podem vencer a Coisa.

17. Assassinato no Expresso do Oriente – Agatha Christie

livros que serão adaptados em 2017!

FOTO: Divulgação

Sinopse: Pouco depois da meia-noite, uma tempestade de neve pára o Expresso do Oriente nos trilhos. O luxuoso trem está surpreendentemente cheio para essa época do ano. Mas, na manhã seguinte, há um passageiro a menos. Uma americano é encontrado morto em sua cabina, com doze facadas, e a porta estava trancada por dentro. Pistas falsas são colocadas no caminho de Hercule Poirot para tentar mantê-lo fora de cena, mas, num dramático desenlace, ele apresenta não uma, mas duas soluções para o crime.

18. As Crônicas de Nárnia: A Cadeira de Prata – C. S. Lewis

livros que serão adaptados em 2017!

FOTO: Divulgação

Sinopse: “Como se chega até lá?”, perguntou Jill, tentando encontrar um jeito qualquer de fugir daquela escola horrível. “Do único modo possível”, sussurrou Eustáquio, “por magia”. Então deram-se as mãos e, concentrando toda a sua força de vontade para que algo acontecesse, viram-se de repente à beira de um alto precipício, muito acima das nuvens, na terra encantada de Nárnia. Assustada e confusa, Jill fica horrorizada ao ver Eustáquio perder o equilíbrio e cair. Imediatamente, porém, ela sente ao seu lado uma presença calorosa. Era o Leão.

19. Pequenas Grandes Mentiras – Liane Moriarty

Sinopse: Com muita bebida e pouca comida, o encontro de pais dos alunos da Escola Pirriwee tem tudo para dar errado. Fantasiados de Audrey Hepburn e Elvis, os adultos começam a discutir já no portão de entrada, e, da varanda onde um pequeno grupo se juntou, alguém cai e morre. Quem morreu? Foi acidente? Se foi homicídio, quem matou? Pequenas grandes mentiras conta a história de três mulheres, cada uma delas diante de uma encruzilhada. Madeline é forte e decidida. No segundo casamento, está muito chateada porque a filha do primeiro relacionamento quer morar com o pai e a jovem madrasta. Não bastasse isso, Skye, a filha do ex-marido com a nova mulher, está matriculada no mesmo jardim de infância da caçula de Madeline. Celeste, mãe dos gêmeos Max e Josh, é uma mulher invejável. É magra, rica e bonita, e seu casamento com Perry parece perfeito demais para ser verdade. Celeste e Madeleine ficam amigas de Jane, a jovem mãe solteira que se mudou para a cidade com o filho, Ziggy, fruto de uma noite malsucedida. Quando Ziggy é acusado de bullying, as opiniões dos pais se dividem. As tensões nos pequenos grupos de mães vão aumentando até o fatídico dia em que alguém cai da varanda da escola e morre. Pais e professores têm impressões frequentemente contraditórias e a verdade fica difícil de ser alcançada. Ao colocar em cena ex-maridos e segundas esposas, mãe e filhas, violência e escândalos familiares, Liane Moriarty escreveu um livro viciante, inteligente e bem-humorado, com observações perspicazes sobre a natureza humana.

Todas as sinopses foram retiradas do Skoob.

LEIA TAMBÉM


Comente!
Escrito por:

Melissa Marques


Página 10 de 49« Primeira...89101112...203040...Última »