Resenha: Júbilo, memória, noviciado da paixão – Hilda Hilst

Comecei a ler Júbilo, memória, noviciado da paixão, pois queria uma leitura leve e rápida. Escolhi o livro de poesias de Hilda por ter sido o mais vendido durante a FLIP 2018.

Leveza não foi bem o que encontrei no livro escrito pela jauense. Em Júbilo, memória, noviciado da paixão, a autora se abre: todos os seus sentimentos – até os mais impuros – estão lá. Entrega amorosa, devoção mística, o temor da morte…

Os dentes ao sol
A memória engolindo
O resplendor angélico
De um lívido jacinto.

Os dentes ao sol
E o escuro momento
Do girassol no muro
Enlouquecendo.

Os dentes ao sol
Dentro de mim
A sombra dos teus dedos
Tua brusca despedida.

Do tempo
As enormes mandíbulas
Roendo nossas vidas.
(p. 81)

Clique para comprar:

Apesar de abordar temas “fáceis”, os poemas de Hilda Hilst, muitas vezes, são bastante complexos e confusos. Como a própria autora comentava, ela se surpreendia quando alguém dizia entendê-los.

A edição de bolso é bem legal para presentear. A diagramação é bastante arejada e o projeto gráfico é fofo: cheio de estrelinhas. Enfim, um livro bom para quem quer ter um primeiro contato com a obra de Hilda Hilst de uma forma acessível.

Se eu te pedisse, Túlio,
O ato irreparável de me amar
Te pediria muito?

Se o corpo pede à alma
Que respirem juntos
Tu dirias, dúbio,
Que se trata de um pedido singular?

Se o que eu te digo
Ouves pelo ouvido
Tu culparias
Teu inteiro sentido
Auricular?

Retoma, Túlio,
O que pertence à vida: meu sangue, minha poesia

E o ato irreparável de me amar.
(p. 99)

E você? Já leu Júbilo, memória, noviciado da paixão? O que achou? Me conta através dos comentários!

* Esse produto foi um brinde, porém, as informações contidas nesse post expressam as ideias da autora.

LEIA TAMBÉM

Resenha: Júbilo, memória, noviciado da paixão - Hilda HilstTítulo original: Júbilo, memória, noviciado da paixão
Autora: Hilda Hilst
Editora: Companhia das Letras
Número de páginas: 136
Ano: 2018
Gênero: Poesia
Nota: 

Comentários via Facebook

Comentar