Listas

4 livros da série Vaga-Lume que poderiam virar filme (assim como Escaravelho do Diabo)

Cena do filme "Escaravelho do Diabo"

A série Vaga-Lume marcou tanto a minha infância quanto a de milhares de brasileiros. Os livros lançados pela Editora Ática a partir de 1972 eram voltados para o público infanto-juvenil e contavam histórias incríveis, desde aventuras superdivertidas até dramas mais densos. Minha escola indicava os livros dessa coleção nas aulas de Português, mas eu sempre acabava lendo por prazer, mesmo. Eram sensacionais!

Atualmente, um dos livros mais famosos, “Escaravelho do Diabo”, da autora Lúcia Machado de Almeida, ganhou uma adaptação para o cinema. Ainda não assisti, mas estou muito curiosa! Pensando nisso, selecionei alguns livros da coleção Vaga-Lume que poderiam virar filmes sensacionais. Veja se você concorda comigo:

escaravelho do diabo
Cena do filme “Escaravelho do Diabo”

1 – Sozinha no Mundo – Marcos Rey

sozinha no mundo

Esse livro foi relançado em 2005, mas foi essa versão de 1984 que me encantou quando era criança. É um livro tão triste, mas ao mesmo tempo tão incrível! Na história, Pimpa, uma menina de 14 anos perde a mãe quando está se mudando de Serra Azul para São Paulo. Com a morte da mãe ela fica sozinha no mundo e, para aplacar a solidão, precisa encontrar com urgência seu tio Leonel, o único parente que lhe restou. Teria alguém interesse em ajudar a pobre menina? Maria Paula, a Pimpa, mesmo perseguida por uma falsa assistente social, vence as dificuldades de viver só em uma grande metrópole. O livro é uma história sensível sobre amizade, coragem e esperança. Façam já uma adaptação para o cinema!

2 – A Ilha Perdida – Maria José Dupré

a ilha perdida

Eu amaaava esse livro, cheguei a ler várias vezes! No livro, Eduardo e Henrique resolvem explorar uma misteriosa ilha e descobrir se as histórias que ouvem sobre o lugar são reais. Acabam se envolvendo em uma grande aventura em que um velho sábio ensina o respeito e o amor à natureza. Não tem como contar mais, mas o livro é daqueles que não dá vontade de parar. Com certeza renderia um filmaço!

LEIA TAMBÉM

O Lar das Crianças Peculiares: confira o trailer oficial legendado

Conto: A Última Pergunta (1956) – Isaac Asimov

3 – Um Cadáver Ouve Rádio – Marcos Rey

um cadáver ouve rádio

De novo o Marcos Rey! Esse autor era sensacional para escrever livros infanto-juvenis e era o que eu mais curtia na infância. Em Um Cadáver Ouve Rádio, encontramos uma trama de investigações e mistério (como não amar?). No livro, a história se passa em um prédio abandonado onde foi encontrado um cadáver, e ao seu lado, um rádio ligado. O delegado, Dr. Arruda, pede ajuda ao grupo de amigos Léo, Gina e Ângela, para investigar o caso. O corpo encontrado era de Boa Vida, um sanfoneiro, que se dava bem com todo mundo. Assim que começam as buscas pelo assassino, são descobertos vários suspeitos e acontecimentos surpreendentes.

4 – A Árvore que Dava Dinheiro – Domingos Pellegrini

árvore que dava dinheiro

Eu adorava esse livro também! Na história, os habitantes de Felicidade, município pequeno do interior do Brasil, vivem com invejável tranquilidade até o momento em que um velho avarento, antes de morrer, deixa uma herança inesperada: uma árvore que dá dinheiro. Isso cria uma euforia consumista que se espalha pela cidade quando essa árvore de flores extraordinárias é descoberta logo se transforma em um problemão. Imagina encontrar uma árvore dessas? Com certeza renderia um filme divertido e com uma bela lição de vida!

Poderia listar aqui uma infinidade de livros, mas gostaria de saber: qual livro marcou a infância de vocês? 🙂

Listas

5 motivos para sentir saudade da Cosac Naify

Essa semana foi divulgada uma notícia sobre o encerramento das atividades da editora Cosac Naify. Com certeza, uma grande perda para o mercado editorial. Porém, os leitores também sofrerão com o impacto da ação: perdemos uma editora incrível, que prezava – acima de tudo – pela qualidade de suas obras.

Por isso, com um sentimento saudosista já invadindo o peito – selecionamos cinco motivos para sentir saudades da Cosac. Confira:

Saudade, Cosac!

Seleção de obras incríveis – a editora sempre apostou em clássicos, além de obras instigantes e inovadoras. Alguns dos autores presentes no catálogo da Cosac – que será vendido, conforme reportagem da Veja – são: Pasolini, Tolstói, Claude Lévi-Strauss e Valter Hugo Mãe.

Cuidado na edição – com um time extremamente dedicado e detalhista, revisão e tradução das obras da Cosac Naify sempre foram de primeira! Impecáveis! Sem dúvidas, era difícil encontrar algum erro gramatical, de concordância ou mesmo de edição.

Projeto gráfico – sem dúvidas, sem comparações! Cada livro contava com um projeto gráfico único, exclusivo e extremamente rico. Completamente originais, os livros da Cosac Naify ganharam o “título” de verdadeiras obras de arte.

Saudade, Cosac!

Contribuição para cultura e estudos – entre os inúmeros títulos da editora, muitos deles eram voltados para os estudos. Arquitetura, arte, ciências humanas, cinema e teatro, música e dança, design, fotografia e moda, sempre tiveram destaque no catálogo da Cosac Naify.

Ótimo atendimento –  a qualidade dos produtos da Cosac sempre refletiu em outras áreas, inclusive no atendimento ao leitor  – posteriormente usuário. Os produtos sempre chegaram rápido, bem embalados… No online, a editora sempre esteve ao lado do público, respondendo, perguntando e instigando.

Saudade, Cosac!
Sentiremos saudade, Cosac!

Sem dúvidas, sentiremos saudades de uma das melhores editoras que o país já teve.

Fonte das matérias: Folha e Veja.

ATUALIZAÇÃO

Confira a emocionante carta aberta de Charles Cosac aos leitores da Cosac Naify

Meus Queridos Amigos,

Eu gostaria muitíssimo de agradecer ​a​ todos as tantas manifestações de solidariedade acerca do fim das atividades da Cosac Naify, quase dezenove anos depois. Eu fico, em verdade, comovido quando constato que nossas iniciativas não foram em vão e essa certeza somente os senhores, leitores e amigos dessa editora, podem me dar. Muito obrigado.

Ao me​u​ ver, uma editora deve existir exclusivamente para alimentar um projeto cultural e quando eu senti o projeto Cosac Naify ameaçado, eu julguei que seria o momento correto para cessarmos nossas atividades. Como o fiz​.​ Dessa maneira, eu perpetuo um sonho belíssimo do qual tantos participaram e ajudar​am​ a construir.

Eu sinto que tenho uma dívida enorme para com todos os senhores que lerem essa carta e, inclusive, para com minha própria editora através da qual eu os conheci e os senhores me conheceram também. Foi ótimo trabalhar na Cosac Naify todos esses anos e eu não poderia pensar em momentos mais felizes. Eu amo e agradeço igualmente à cidade de São Paulo, que me recebeu de braços abertos desde que a adotei como lar, há quase vinte anos.

Por fim, eu peço que saibam, que além de gratidão eu senti muito orgulho, prazer e alegria de trabalhar para os senhores todos esses anos.

Com sinceridade, o afeto e a paz que sempre luto para ter em mim.

Charles”

Listas

10 situações que todo amante de livros já viveu

Quem é amante de livros sabe que existem coisas imperdoáveis que algumas pessoas fazem com livros ou momentos em que não conseguimos controlar o vício. Seja surtando na livraria ou se apaixonando com edições de luxo, existem diversas situações em comum para os amantes da leitura. Vai me dizer que não é verdade?

10 situações que todo amante de livros já viveu

1) Quando alguém te devolve o livro com a capa e/ou contracapa destruída.

10 situações que todo amante de livros já viveu

2) Quando finalmente chega pelo correio aquele livro que você está esperando há dias.

10 situações que todo amante de livros já viveu

3) Quando você compra uma estante pra organizar sua penca de livros.

10 situações que todo amante de livros já viveu

4) Quando você quer ler e tem gente ao seu redor que não para de falar.

10 situações que todo amante de livros já viveu

5) Quando você lê 3 livros ao mesmo tempo e de repente se perde nas histórias.

10 situações que todo amante de livros já viveu

6) Quando você quer carregar um livro muito pesado na bolsa/mochila.

10 situações que todo amante de livros já viveu

7) Quando você começa a ler 10 livros, mas nenhum te empolga.

10 situações que todo amante de livros já viveu
8) Quando você tá superfeliz lendo sem parar e o final do livro é um lixo.
10 situações que todo amante de livros já viveu
9) É só começar a chover que você já quer se enfurnar no quarto e ficar lendo o dia inteiro.
10 situações que todo amante de livros já viveu
10) E no fim do dia, não importa o que aconteça: os livros são sua melhor companhia.

10 situações que todo amante de livros já viveu

Quais dessas situações de amantes de livros você já vivenciou?

LEIA TAMBÉM

Listas

Passo a passo de um leitor sem grana em uma livraria

Qual leitor nunca esteve completamente sem grana e resolveu “dar uma passadinha” na livraria apenas para conferir as novidades? Nós te entendemos: o resultado dessa visita, muitas vezes, é uma catástrofe para o seu bolso (mas uma alegria para a sua estante).

Por isso, trouxemos o passo a passo de um leitor “duro” em uma livraria. Será que você se identifica com alguma dessas frases? Depois conta pra gente pelos comentários. Ok? 🙂

1) Estou sem grana, mas vou entrar só para dar uma olhadinha…

Passo a passo de um leitor "duro" em uma livraria

2) Hun… Legais esses lançamentos, hein?

Passo a passo de um leitor "duro" em uma livraria

3) Nossa, esses livros para colorir pegaram mesmo! Será que vale a pena experimentar? Ando tão estressado…

Passo a passo de um leitor "duro" em uma livraria

4) Esse livro está com o preço bem legal… Acho que vou levar…

Passo a passo de um leitor "duro" em uma livraria

5) Eu quero tanto esse lançamento! Não vou conseguir esperar chegar se eu comprar pela internet… Acho que também vou levar!

Passo a passo de um leitor "duro" em uma livraria

6) Moço, consulta o preço desse clássico, por favor!

Passo a passo de um leitor "duro" em uma livraria

7) Uau! R$ 90,00 por esses Moby Dick? Mas vale a pena… A capa é dura e a edição é incrível!

Passo a passo de um leitor "duro" em uma livraria

8) Poxa, tem aquele livro da escola / faculdade / pós que eu estou precisando urgentemente também…

Passo a passo de um leitor "duro" em uma livraria

9) Tá aqui. São só esses mesmo.

Passo a passo de um leitor "duro" em uma livraria

10) O QUE? R$400,00? Passa no crédito. Em 4x. Obrigada.

Passo a passo de um leitor "duro" em uma livraria

E aí, se identificou com algum dos pontos? Haha!