Resenhas  |  23.06.2020

Resenha: Segredos – Domenico Starnone

Resenha: Segredos - Domenico Starnone

FOTO: Isabela Zamboni | Resenhas à la Carte

Nunca tinha ouvido falar no autor italiano Domenico Starnone até ler Segredos, que recebi ao assinar o clube do livro da Quatro Cinco Um. Quando vi a sinopse fiquei bastante intrigada e, como o livro só tem 152 páginas, comecei a leitura imediatamente. O resultado foi maravilhoso! Mas, antes de começar a resenha, vamos a um resuminho da história:

“Anos 1970, Itália. Pietro tem 33 anos e é professor numa escola na periferia de Roma. Ele mantém um relacionamento tempestuoso com Teresa, dez anos mais nova, uma ex-aluna brilhante e independente que parece o tempo todo testar seus limites. Certa ocasião, Teresa propõe um jogo: que eles compartilhem um com o outro o seu segredo mais obscuro. Poucos meses depois de se confessarem, o romance acaba. A partir de então, essa confissão permanecerá como uma nuvem ameaçadora. E Teresa sempre ressurge diante de todas as encruzilhadas existenciais de Pietro. Ou será ele quem está sempre em busca da ex? Exame brilhante e devastador sobre o que é dito e o que é silenciado, sobre a trajetória pessoal e a postura moral, Segredos descortina os meandros da construção de nossa identidade perante o mundo. E mostra como uma história de amor, às vezes, pode também guardar uma narrativa de medo e suspeição.”

Vai ser bem difícil falar sobre esse livro sem comentar sobre o final… Porém, se eu contar, perde boa parte do encantamento. Então, vou tentar discutir alguns pontos essenciais que me deixaram completamente fisgada nessa história.

Uma boa parte do livro é narrada pelo protagonista, Pietro, um professor de 33 anos que sempre esteve na “média”, ou seja, foi um homem mediano em todas as suas escolhas de vida. Mas, depois de namorar Teresa, uma ex-aluna dez anos mais jovem, começa a mudar sua percepção de mundo.

Teresa é descrita por Pietro como um furacão: uma mulher jovem, inteligentíssima, que deslumbra qualquer pessoa. Suas conversas são ricas, ela está à frente de seu tempo, sempre chama atenção por onde passa. Não somente por sua aparência física, mas pelo seu jeito felino, cheio de graça, e sua personalidade explosiva.

Pietro e Teresa brigam com frequência, suas personalidades são bem distintas, mas o relacionamento, além de intenso, também é breve. Ambos terminam o namoro após perceberem que nunca seriam um casal feliz. No entanto, um pouco antes de terminarem, resolvem contar um ao outro um segredo horrível, que nunca contariam para mais ninguém. Um daqueles segredos que se qualquer pessoa descobrisse, ambos estariam com as vidas ameaçadas.

Para comprar o livro, é só clicar no link abaixo:

Claro que eles não contam esse segredo e nós ficamos esperando o livro inteirinho para descobrir o que é. O que Teresa fez? E Pietro? Por que eles têm tanto medo de compartilhar algo tão íntimo?

Na verdade, a genialidade do livro não está no segredo em si, mas em como as relações de poder se estabelecem. Com o tempo, Pietro deixa de duvidar de suas capacidades e torna-se uma pessoa de notoriedade. Um professor bem-sucedido que escreve artigos sobre educação e lota livrarias. Casa-se com Nadia, uma mulher brilhante, professora de álgebra, mas frustrada por não obter sucesso na área acadêmica.

Teresa muda-se para os Estados Unidos e começa a estudar no MIT, tornando-se uma cientista conhecida e respeitada. Mas, ao longo de toda a história, ela sempre retorna. Não fisicamente, mas sua presença atormenta a vida de Pietro. Conforme acompanhamos as mudanças se instalarem na vida do protagonista — casamento, filhos, sucesso na carreira, novas amizades e até o ingresso na política — Pietro vive angustiado por Teresa apenas existir. Afinal, ela conhece seu segredo mais profundo.

Resenha: Segredos - Domenico Starnone

FOTO: Isabela Zamboni | Resenhas à la Carte

Eles ainda mantém contato por correspondência, mas Teresa sempre acaba sendo irônica, lembrando-o de que somente ela sabe o segredo e pode espalhar aos quatro ventos. Ele, com medo, assustado e receoso, mantém contato o tempo todo, só para ter certeza de que sua confissão permanece apenas na lembrança da ex-namorada.

O final é arrebatador, dá um pouco de raiva, mas a narrativa em si é muito leve, interessante e traz até algumas indagações sob o prisma da Psicologia. O homem que sempre se sentiu alguém mediano, o não-merecedor, agora alcança um sucesso estrondoso. Mas ele não é totalmente livre, pois uma mulher ainda mais imponente manteve-o sob sua rédea. Afinal, será que Teresa teria intenção de manipulá-lo ou só pensamos dessa forma porque o livro é narrado pela perspectiva de Pietro?

São pontos de vista distintos e pouco confiáveis que tornam Segredos, de Domenico Starnone, uma baita obra literária. Agora não vejo a hora de ler os outros livros do autor!

Obs: muitos disseram que ele pode até ser a Elena Ferrante (que eu ADORO), já que até hoje não sabemos a verdadeira identidade da autora. E me lembrou bastante mesmo, tem uma grande similaridade de tom. Será que Domenico é Elena? Vamos aguardar.

NOTA:

LEIA TAMBÉM

Ajude o Resenhas! Clicando na imagem abaixo você contribui para o crescimento do blog! 🙂

Ajude o resenhas a crescer

Anterior
Próximo
Compartilhe
Comente Aqui
2 Comentários “Resenha: Segredos – Domenico Starnone”
  1. Mayckel Oakes Vasconcellos      26 jun 2020 // 12H15

    Nunca li nada Italiano, acho que vou me aventurar. Grato.

    • Isabela Zamboni      26 jun 2020 // 02H52

      Vale a pena!