Livros da Era Vitoriana que você precisa conhecer

Sempre fui apaixonada por tudo que envolve a Era Vitoriana. A literatura inglesa é um dos meus maiores fascínios e claro que os livros da Era Vitoriana estão sempre na minha lista de favoritos! Mas você sabe quais são os livros da Era Vitoriana e seus principais autores? Dei uma bela pesquisada e também coloquei algumas sugestões de livros desse período para quem curte esse estilo literário. Confira:

Características da Era Vitoriana na literatura

Antes de sugerir os livros, é sempre bom entender o contexto em que os autores estavam inseridos. A Era Vitoriana (1837-1901) foi de grande importância na história inglesa – foi marcada por grande efervescência política e intelectual, além das conquistas coloniais. Na Era Vitoriana, a Inglaterra tornou-se um dos países mais ricos e poderosos do mundo. Esse período também foi importante na Literatura: enquanto a poesia dominou o romantismo, na Era Vitoriana o romance ganhou destaque.

Os romances vitorianos geralmente oferecem retratos idealizados de vidas difíceis, nas quais o trabalho duro, a perseverança, o amor e a sorte vencem no final. Existem também grandes contrastes: o país passava por uma euforia de novas tecnologias. A sociedade sofria com o medo da modernização, da alta tecnologia e as mudanças radicais que ela acarretava. Portanto, pode-se dizer que foi uma época de transição: o novo abrindo espaço e enfrentando a resistência de uma sociedade tradicional.

Em grande parte dos romances, há um arco de crescimento das personagens – elas evoluem, melhoram e geralmente há uma lição de moral durante a narrativa. Apesar de essa fórmula ter sido usada muitas vezes, principalmente nos primeiros livros deste período, conforme o século progredia, surgiram algumas transformações no estilo dos escritores.

Charles Dickens (1812-1870) dominou a primeira metade do reino de Vitória: o seu primeiro romance, As Aventuras do Sr. Pickwick, foi publicado em 1836 e o seu último, Our Mutual Friend, entre 1864 e 1865. O romance Feira das Vaidades, de William Thackeray (1811-1863) também foi um marco na Era Vitoriana, assim como as famosas obras das Irmãs Brontë (que eu sou APAIXONADA): Charlotte (1816-55), Emily (1818-48) e Anne (1820-49). 

Livros da Era Vitoriana que você precisa conhecer
FOTO: Isabela Zamboni | Resenhas à la Carte

Muitos autores se destacaram nessa época: Thomas Love Peacock, sir Arthur Conan Doyle (nosso amado autor e criador de Sherlock Holmes), Wilkie Collins, Walter Scott, Lewis Carroll e Robert Louis Stevenson.

Mais tarde, em 1872, surgiu o romance Middlemarch de George Eliot (1819-80) e o maior romancista dos últimos anos do reinado de Vitória foi Thomas Hardy (1840-1928) que publicou o seu primeiro romance, Under the Greenwood Tree, em 1872 e o seu último, Jude the Obscure, em 1895.

Outras peças e autores da época incluem adaptações para os palcos do Frankenstein de Mary Shelley e do novo gênero de romances sobre vampiros. E claro que Drácula, de Bram Stoker, também surgiu nessa época (1897).Mais um autor notável foi Oscar Wilde, que além de peças de teatro, escreveu o memorável Retrato de Dorian Gray.

Acho que já deu para perceber quantos livros bons foram publicados na Era Vitoriana e sua importância para a Literatura. Agora vamos às indicações!

Livros da Era Vitoriana que você precisa conhecer

Drácula – Bram Stoker

Não tem como falar de literatura gótica ou Era Vitoriana sem lembrar do clássico Drácula. Aposto que pelo menos alguma adaptação dessa obra você já viu! E claro que o livro é ótimo – apesar de alguns momentos cansativos. Se quiser ler a resenha de Drácula, é só clicar aqui.

Livros da Era Vitoriana que você precisa conhecer
FOTO: Isabela Zamboni | Resenhas à la Carte

Para comprar o livro, é só clicar no link abaixo:


O Morro dos Ventos Uivantes – Emily Brontë

Muita gente gosta desse livro, muitos odeiam. Eu sou apaixonada e desde que li pela primeira vez, entrou na minha lista dos favoritos da vida. Esse livro teve um boom há alguns anos por causa da saga Crepúsculo, e pode ter desapontado quem procurava alguma coisa mais ‘fofa’. O Morro é uma história triste, tensa, melancólica e que faz um retrato da época de forma bem pessimista. Claro que sem deixar de lado todo o fator do ‘amor impossível’.

Para comprar o livro, é só clicar no link abaixo:

 

Jane Eyre – Charlotte Brontë

Outro livro das irmãs Brontë, que foi um dos grandes marcos da literatura vitoriana. Jane é sofrida, mas uma mulher guerreira, que faz de tudo para conseguir se tornar uma pessoa melhor e vencer os contratempos de uma educação rígida. Eu já fiz a resenha desse clássico incrível aqui no blog.

Para comprar o livro, é só clicar no link abaixo:

O Médico e o Monstro – Robert Louis Stevenson

Dr. Jekyll e Mr. Hyde também já foi adaptado milhares de vezes, o que torna a obra de Stevenson um grande marco na literatura. Apesar de ser um livro bem pequeno, também traz questões bem pertinentes relacionadas ao período histórico, principalmente o medo da tecnologia e o avanço rápido da medicina. Para ler a resenha de O Médico e o Monstro, é só acessar este link.

Para comprar o livro, é só clicar no link abaixo:

Longe Deste Insensato Mundo – Thomas Hardy

Thomas Hardy tem poucas obras traduzidas no Brasil, apesar de ser um autor renomado e de grande importância para a literatura inglesa. Recentemente, foi lançada uma adaptação de Longe Deste Insensato Mundo no cinema, com a ótima Carey Mulligan no papel principal. Um ótimo livro que também faz jus à sua fama!

Para comprar o livro, é só clicar no link abaixo:

Grandes Esperanças – Charles Dickens

Dickens é um dos maiores escritores de todos os tempos e foi durante a Era Vitoriana que se consagrou. Ele foi um dos poucos escritores a ser reconhecido em vida e ganhou bastante prestígio na sociedade. Suas obras são retratos de uma Inglaterra que vivia uma desigualdade como jamais vista – a pobreza e a ascensão social marcam várias obras do autor. Grandes Esperanças é uma ótima opção para quem deseja começar no universo de Dickens. Para ler a resenha desta obra,clique aqui.

Livros da Era Vitoriana que você precisa conhecer
FOTO: Isabela Zamboni | Resenhas à la Carte

Para comprar o livro, é só clicar no link abaixo:

O Signo dos Quatro – Sir Arthur Conan Doyle

São inúmeras as obras com o detetive Sherlock Holmes, mas O Signo dos Quatro é uma das mais famosas. Para entrar no universo de Sherlock e Watson, é uma boa pedida. Os livros de Conan Doyle são muito tranquilos de ler e trazem uma empolgação sem fim! Sabe aquele tipo de livro que vicia? Pois é! Os livros da Era Vitoriana mais famosos com certeza são os de Sherlock Holmes.

Livros da Era Vitoriana que você precisa conhecer
FOTO: Isabela Zamboni | Resenhas à la Carte

Para comprar o livro, é só clicar no link abaixo:

Razão e Sensibilidade – Jane Austen

Jane Austen é uma autora consagrada, mas que também só recebeu prestígio anos após sua morte. Mais conhecida por Orgulho e Preconceito, seus escritos são estudados até hoje e remontam a uma Inglaterra dos bons costumes, onde a moral das personagens é sempre questionada. Razão e Sensibilidade é um dos melhores livros da autora e merece ser lido já!

Para comprar o livro, é só clicar no link abaixo:

 

A Senhora De Wildfell Hall – Anne Brontë

Claro que também devemos citar a terceira irmã Brontë na lista de livros da Era Vitoriana. Apesar de ser menos conhecida do que suas irmãs, suas obras também merecem destaque. A Senhora de Wildfell Hall desafia as convenções sociais do século XIX com uma protagonista forte e à frente de seu tempo, uma mulher empoderadíssima. 

Para comprar o livro, é só clicar no link abaixo:

Claro que se eu fosse listar mais, esse post ficaria maior do que já está! Além das sugestões acima, vale também conhecer aqueles citados anteriormente: Retrato de Dorian Gray, Frankenstein, Middlemarch e etc. E você, gosta desse estilo literário? Quais livros da Era Vitoriana você já leu? Conta pra gente nos comentários!

LEIA TAMBÉM

Comentários via Facebook

Comente!